Engenharia de custos: o que é, benefícios e mais!

nov 07, 2018

IBEC

Carreira

0

Engenharia de custos: o que é, benefícios e mais!

Com a evolução da engenharia, de suas técnicas e metodologias, novas habilidades têm surgido e se popularizado no campo da construção civil. Uma dessas áreas do conhecimento que tem se expandido cada vez mais é a engenharia de custos. O engenheiro de custos é cada vez mais requisitado pelas construtoras e incorporadoras.

Mas afinal, o que é a engenharia de custos e o que faz o profissional dessa área? Para responder a essas questões, preparamos este artigo especialmente para você. Além disso, abordaremos os principais benefícios que a prática traz para a construção civil contemporânea. Confira!

O que é engenharia de custos?

A engenharia de custos está diretamente ligada à formação e ao planejamento do orçamento de uma obra. O conhecimento de um profissional dessa área se assemelha ao de um agrimensor. Entretanto, sua formação é ainda mais completa, pois conta com conhecimentos de gestão e de administração, além de conter habilidades que vão desde a liderança até a lidar com pessoas.

Nos últimos anos, a área tem crescido no país, devido, sobretudo, a sua importância em um cenário de crise. Com menos margem de erro, as empresas da área de construção civil têm buscado por profissionais que consigam dar prosseguimento nas obras, otimizando os recursos e minimizando desperdícios, seja com materiais, seja com baixa produtividade de seus profissionais.

Portanto, é uma área destinada para profissionais completos, que buscam por desafios e que não desejam ficar presos a um segmento específico. Isso porque, muitas das vezes, têm-se uma visão limitada sobre o universo que a engenharia engloba. A percepção mais comum é de que esse campo do conhecimento engloba apenas questões técnicas, como design físico de uma estrutura ou sistemas construtivos.

No entanto, além dos aspectos físicos de uma obra, há outros elementos que devem ser considerados, como os recursos — materiais e humanos. Eles são denominados, de forma geral, como custos. Dessa forma, a engenharia de custos é um complemento moderno para a engenharia tradicional, pois faz a ligação entre a gestão e o conhecimento tradicional da engenharia.

O que o profissional dessa área faz?

O principal objetivo do engenheiro de custos é fornecer orçamentos e cronogramas precisos, evitando que projetos apresentem desperdícios de recursos e fazer cumprir o orçamento inicial, planejado pelo mesmo profissional. Além disso, ele tem de ser hábil para gerenciar recursos — materiais e humanos — e apoiar a tomada de decisões.

Dessa forma, o profissional de engenharia de custos deve trabalhar com uma série de aspectos relacionados aos custos do projeto de engenharia e de sua execução, sendo os principais:

Análise econômica

Consiste em uma previsão do mercado e da saúde financeira da construtora durante a elaboração de um projeto e execução de uma obra.

Estimativa de gastos

Configura-se no cálculo da expectativa de custo de um projeto e de obra, relacionando-o com os padrões pré-estabelecidos por clientes e controle de qualidade da construtora.

Análise de risco

É o processo em que são avaliados os riscos de cada etapa de projeto e de sua execução. Por exemplo, é possível que uma determinada matéria prima, como o concreto, tenha uma elevação inesperada de preço no decorrer da obra. Um engenheiro de custos deve avaliar esse provável risco por meio da análise de risco e prever como ele afetará a execução do projeto de engenharia.

Controle de mudanças

orçamento é essencial para criar um norte a ser seguido durante a elaboração do projeto e a execução da obra, mas, eventualmente, imprevistos acontecem. Por conta dessa questão, é importante que o engenheiro de custos prepare a equipe para eses imprevistos, controlando as mudanças que devem ser feitas para ajustar a rota da construção e calcular o impacto financeiro dessa mudança.

Elaboração do orçamento

Incide sobre o levantamento planejado de todos os custos do projeto. Por meio desse levantamento, é feito um documento, que deve ser entregue ao cliente e aos administradores da obra. Na estimativa, devem estar detalhados os gastos com os fornecedores, com equipamentos, materiais e mão de obra.

Dessa forma, a diversidade de atividades que um engenheiro de custos é capaz de produzir representa uma multidisciplinaridade do seu trabalho, contando com conhecimentos de gerenciamento de negócios, gestão de pessoas, gerenciamento de projetos e o próprio conhecimento fundamental de engenharia.

Quais são os benefícios da engenharia de custos para o projeto e obra de engenharia?

Os principais benefícios da engenharia de custos para o projeto e obra, são promoção da segurança, racionalização dos recursos, aumento da eficiência da equipe e levar a obra mais economia e sustentabilidade. Conheça, em detalhes.

Promover a segurança

A segurança em um projeto e obra de engenharia está ligada diretamente à saúde financeira do empreendimento. De forma secundária, serve para resguardar a segurança de materiais de construção e segurança da equipe.

Racionalizar recursos

A racionalização de recursos implica diretamente na administração tanto do capital a ser aplicado no projeto e obra, quanto na administração dos insumos necessários para levantar a obra. Além disso, diz respeito à contratação de uma equipe enxuta, capaz de fazer o trabalho em tempo hábil, dispondo do menor número de funcionários, atendendo, evidentemente, às exigências das leis trabalhistas.

Aumento da eficiência da equipe

Uma habilidade que o engenheiro de custos deve apresentar, que o torna um profissional diferente dos demais, é a de lidar com pessoas e gerir a equipe. Ele deve ser capaz de aumentar a produtividade de toda a equipe, assim como de sua segurança e eficiência.

Economia e sustentabilidade

Por fim, o principal benefício da engenharia de custos é aumentar o lucro da construtora e, consequentemente, melhorar a economia na obra, produzindo mais com menos. De forma secundária, aspectos como a sustentabilidade também são atendidos, uma vez que são evitados desperdícios de materiais, grande consumo de energia elétrica e geração de lixo como entulho, extremamente prejudiciais ao meio ambiente.

Sendo assim, a engenharia de custos consiste em um campo fundamental para a engenharia moderna. Sua expansão e a constante busca das construtoras pelo profissional engenheiro de custos não configura um ponto fora da curva, mas uma tendência de mercado atual da construção civil.

Agora que você já sabe o que é engenharia de custos e quais são os seus benefícios, compartilhe este artigo em suas redes sociais para que seus amigos também saibam mais sobre essa especialidade!

Comentários
Post by IBEC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *